Go to Top

MAPAS, MITOS, ARTEFATOS INDÍGENAS E A COMPLEXA RELAÇÃO ENTRE HOMENS E PEIXES NO ALTO RIO TIQUIÉ É ATRAÇÃO DO MUSA

EXPOSIÇÃO| O Museu da Amazônia (MUSA), localizado no Jardim Botânico, recebe a Exposição “Peixe e Gente”. Além da exposição o destaque do espaço é novo orquidário experimental e o prédio de laboratórios.

A exposição “Peixe e Gente” é baseada no livro “Gente e Peixe no Alto Rio Tiquié”, do Instituto Socioambiental, organizado pelo antropólogo Aloisio Cabalzar, com ilustrações de Mauro Lopes e Feliciano Lana.

O livro trata sobre os conhecimentos indígenas e ictiológicos, mitos e conceitos cosmológicos relacionados à origem dos peixes e suas relações com o homem.

A exposição “Peixe e Gente” ocupa cerca de 1000m2 do centro de visitação do Museu da Amazônia, na Reserva Florestal Adolpho Ducke (em duas tendas esticadas na floresta e um pavilhão).

A exposição retrata através de mapas, mitos e artefatos indígenas a rica e complexa relação entre homens e peixes no Alto Rio Tiquié, região da bacia do Rio Negro.

Objetos de cerâmica e cestaria também compõem o acervo da exposição voltada para o público, em geral, interessado na cultura dos povos indígenas.

A direção de arte da exposição é do artista plástico Zeca Nazaré, em um trabalho conjunto do artista Feliciano Lana, da etnia desana, que ilustrou mitos e histórias e a fachada da exposição, conhecedores e artesãos   indígenas  das etnias Tuyuka, Ukano e Yeba Masã, do rio Tiquié e profissionais do Musa.

Entrada gratuita.

Onde: Jardim Botânico Adolpho Ducke- Rua Uirapuru, s/n – Cidade de Deus

Quando: Em exposição.

Horário: 09:30h às 16:30h.

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: