Go to Top

DIRETRIZES DO MUSEU DA CULTURA E MEMÓRIA AFRODESCENDENTE SÃO DISCUTIDAS NESTA QUINTA-FEIRA (28/08)

SEMINÁRIO│Um museu é considerado muito mais que um local de aquisição de peças e visitação. É também espaço de resgate da memória, de investigação, de documentação e preservação cultural de uma sociedade.

Nesse contexto, o seminário Rumo ao Museu da Cultura e Memória Afrodescendente, realizado nos dias 27 e 28/8, na Fundação Cultural Palmares, em Brasília, veio favorecer consolidação dessa visão de museu.

O seminário reúne pesquisadores e especialistas de cultura afro-brasileira, museu e memória para discutir a constituição do Museu Nacional da memória Afrodescendente, em Brasília.

Da abertura do evento, participaram, além da ministra da Cultura, Marta Suplicy; a ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Luiza Bairros; o presidente da Fundação Cultural Palmares, José Hilton Cobra; a secretária da educação continuada, Macaé Evaristo – representando o ministro da Educação Henrique Paim; e o secretário de Estado da Casa Civil do Distrito Federal, Swedenberger Barbosa.

Foto: Elisabete Alves.

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: