Go to Top

MANAUS GANHA DESTAQUE NO JORNAL BRITÂNICO ‘THE TELEGRAPH’, UM DOS PRINCIPAIS DO REINO UNIDO

MANAUS│ Manaus ganha destaque no jornal britânico ‘The Telegraph’, um dos principais do Reino Unido. O texto intitulado ‘Legado da Copa do Mundo no Brasil: o carnaval dos animais na Amazônia’ retrata os dias da correspondente Donna Bowater durante o mês de outubro na capital amazonense, quando Manaus celebrou 345 anos em meio a um conceito surpreendente até mesmo para quem é de fora.

Bowater retrata a cidade com uma paixão indescritível pela floresta, os costumes e a arquitetura manauara. “Fiquei encantada com a floresta, o rio, a comida, a cultura, mas, sobretudo, com os manauaras que sempre me recebem com um carinho enorme. Achei um povo bem receptivo, simpático e caloroso”, disse a jornalista em entrevista à Prefeitura de Manaus.

Ela veio à cidade pela terceira vez. A primeira foi em 2013 para acompanhar a preparação da Copa do Mundo em Manaus, a segunda durante o mundial e depois voltou em outubro para conhecer de perto a tradição em que vive a cidade em ascensão nos roteiros turísticos do mundo.

O artigo fala das experiências vividas pela jornalista em toda a programação realizada pela Prefeitura de Manaus para o aniversário da cidade.

Donna acompanhou os Circuitos Culturais que contou com diversas atrações locais, nacionais e internacionais e pode ver de perto toda a agitação do “dois pra lá, dois pra cá” no Boi Manaus – que foi levado também para a zona Leste da capital e teve seu encerramento com um show cênico no estádio considerado o mais bonito do Brasil.

Entre todos os aspectos citados, o artigo relata a cultura manauara em relação ao boi-bumbá e como as pessoas se inspiram para brincar ao som de toadas durante o mês de outubro.

O texto também fala dos bumbás Garantido e Caprichoso e do Festival Folclórico de Parintins, mas que as cores são os que mais impressionam – tudo lembra a Amazônia.

É uma quebra de paradigmas, que impressiona quem não conhece. “Além disso, o Boi é uma coisa que muitos brasileiros mesmo não conhecem, por isso, é algo especial e eu acho que é importante reconhecer raízes de uma cidade”, disse Bowater.

Ainda na opinião da jornalista, Manaus só tem a crescer. “Eu acho que Manaus tem bastantes atrações e razões suficientes para que os turistas a visitem, só precisa garantir mais a capacidade em infraestrutura, capitalizando a oportunidade ganhada com a Copa para obter mais reconhecimento”, finalizou a nova apaixonada pela Capital da Amazônia. O texto pode ser lido aqui.

 

 

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: