Go to Top

TEATRO AMAZONAS É DESTAQUE NO JORNAL BRITÂNICO “THE GUARDIAN”

TEATRO AMAZONAS| Localizado no Largo de São Sebastião, considerado um dos teatros mais belos do Brasil, o Teatro Amazonas tem sua história iniciada em 1881, quando o Deputado A. J. Fernandes Júnior apresentou o projeto para a construção de um teatro em alvenaria, de autoria do Gabinete Português de Engenharia e Architetura de Lisboa.

A imponência do Teatro Amazonas encanta a todos. Sua sala de espetáculos apresenta a capacidade para 685 pessoas, distribuídas em plateia e três andares de camarotes.

O salão nobre, particularmente barroco, encanta o visitante com a surpreendente pintura no teto, “A Glorificação das Bellas Artes na Amazônia”, de 1899, de autoria de Domênico de Angelis. O pavimento térreo com belas colunas ornadas com máscaras em homenagem a dramaturgos e compositores clássicos famosos, como Ésquilo, Aristóphane, Moliére, Carlos Gomes, Rossini, Mozart, Verdi, Chopin e outros.

Na sala de espetáculos, a pintura do pano de boca do palco, de autoria de Crispim do Amaral faz referência ao encontro das águas dos Rios Negro e Solimões. 

Palco de muitos espetáculos, locais, regionais, nacionais e internacionais, como o Festival Amazonas de Ópera, Festival Amazonas Jazz e Amazonas Film Festival, entre outros, onde mais uma vez o Teatro Amazonas desponta do coração da Floresta Amazônica para o mundo, sendo destaque como um dos 50 monumentos urbanos do mundo pelo principal jornal britânico “The Guardian”, conforme sua edição impressa e online.

Foto: Reprodução/Google Imagens

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: