Go to Top

REINO UNIDO DA LIBERDADE É A GRANDE CAMPEÃ DO CARNAVAL 2017

CARNAVAL 2017| Celebrando os ideais da sustentabilidade e da preservação do meio ambiente, a Reino Unido da Liberdade foi eleita a campeã do Carnaval do Amazonas, promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura, em parceria com a Comissão Executiva das Escolas de Samba de Manaus (Ceesma) e a União das Escolas de Samba do Amazonas (Uesam). A agremiação teve 268,50 pontos ao final da apuração, no início da tarde desta segunda-feira (27), no Centro de Convenções Gilberto Mestrinho – Sambódromo.

A Vitória Régia foi a vice-campeã do Grupo Especial, registrando 266,90 pontos na contagem final, e A Grande Família ficou em terceiro lugar, com pontuação total de 266,80. Em quarto lugar, com 266,70 pontos, a Mocidade Independente de Aparecida demonstrou insatisfação com o resultado ainda durante a apuração, com a retirada de seus dirigentes do local de votação antes do final da contagem das notas. Na listagem final, vieram em seguida Unidos do Alvorada, com 265,80 pontos; Andanças de Ciganos, com 265,60; Vila da Barra, com 263,90; e Sem Compromisso, com 261,30.

Com a vitória deste ano, a Reino Unido comemora seu bicampeonato – a escola dividiu o troféu com a Aparecida no ano passado – e seu 11º título de campeã do Carnaval amazonense. “Tem de se respeitar a Reino Unido, que faz samba e faz cultura de verdade. O resultado do Carnaval reflete um trabalho sério, de respeito às outras escolas e de humildade, mas também de competência”, declarou o presidente da escola, Jairo Beira Mar.

A Primos da Ilha foi a grande campeã do Grupo A, seguida da Beija-Flor do Norte, em segundo lugar, e da Unidos da Cidade Nova, em terceiro. Na somatória dos pontos, as três agremiações tiveram empate, com pontuação de 179,20 cada, e o resultado final foi definido após aplicação de critério de desempate pela nota das agremiações em Alegorias e Adereços, primeiro na ordem de leitura dos quesitos julgados, definida por sorteio.

Com o enredo “A força e a magia dos Quatro Elementos”, a Primos da Ilha desfilou fazendo alusão à criação do Universo e seus deuses criadores. Com a suspensão de acesso e descenso no Carnaval deste ano, a escola não irá para o Grupo Especial, mas não deixou de apreciar a vitória. “O acesso dá uma garra maior, mas a comemoração é a mesma. É um título que vai para a história de nossa escola, e vamos comemorar”, declarou o presidente Werly Medeiros, lembrando que a escola é que tem mais títulos no Grupo A – seis ao todo – e já desfilou por seis vezes pelo Grupo Especial.

Quem levou o troféu principal do Grupo B foi a Mocidade Independente do Coroado, que defendeu o enredo “O Davi que virou Golias! Sempre lutando pelo Amazonas e pelas minorias”, em homenagem ao deputado estadual Sinésio Campos. A agremiação registrou 179 pontos na contagem final.

“Foi uma vitória de superação. Apesar da crise e de hoje estarmos vivendo num momento delicado em nosso Estado, tivemos ainda a criatividade de nossos artistas para chegar ao Centro de Convenções e ainda mostrar um grande desfile. Foi um Carnaval de superação de todas as escolas”, declarou o representante da agremiação, Montelo Lira.

Império do Hawaí e Unidos do Coophasa ficaram nos segundo e terceiro lugares no Grupo B, com 176,70 e 176,50 pontos, respectivamente, tendo a última sido penalizada em 0,5 ponto por descumprimento de obrigatoriedades de desfile. A Presidente Vargas, em último lugar, teve pontuação final de 174,20, incluindo descontos de 1 ponto, por extrapolação no tempo de desfile, e de 1,5, por descumprimento de obrigatoriedades.

A Tradição Leste levou a melhor no Grupo C, sendo eleita campeã com 179,30 pontos no cômputo final. A agremiação levou à avenida o enredo “Do Chaturanga ao Xadrez, a Tradição Leste leva você a raciocinar”. Em segundo e terceiro lugares, respectivamente, vieram a Legião de Bambas, com 176,90 pontos, e a Gaviões do Parque, com 172 pontos. A Leões do Barão Açu foi a última colocada, com pontuação de 166,20.

As escolas de samba do Grupo Especial e dos Grupos de Acesso A, B e C foram julgadas em nove quesitos, divididos em três módulos: Música (Harmonia, Samba Enredo e Bateria), Visual (Enredo, Fantasia, e Alegorias e Adereços) e Dança (Mestre Sala e Porta Bandeira, Comissão de Frente e Evolução). No Grupo Especial, cada quesito foi julgado por cinco jurados; nos demais grupos, foram três jurados para cada quesito.

De comum acordo, Ceesma e Uesam definiram que este ano, excepcionalmente, não haverá ascenso nem descenso de agremiações entre os grupos. A decisão das entidades que congregam as escolas de samba amazonenses foi motivada pela crise financeira que muitas delas atravessam.

O anúncio das campeãs marca o encerramento da programação oficial do Carnaval do Amazonas. A agenda momesca teve início no último dia 19, domingo, no Teatro Amazonas, com o Concurso de Fantasias Infantil, e seguiu com o Desfile das Escolas de Samba na sexta-feira (24) e no sábado (25), no Centro de Convenções Gilberto Mestrinho – Sambódromo. A programação oficial teve ainda o Concurso de Fantasias e Máscaras Adulto, realizado no último domingo, no Teatro Amazonas.

Fotos: Nilton Leal/Divulgação

 

PONTUAÇÃO DAS ESCOLAS

Confira as notas finais das escolas de samba dos grupos Especial e de Acesso A, B e C

Grupo de Acesso C

G.R.E.S. Tradição Leste – 179,30 pontos

G.R.E.S. Gaviões do Parque – 176,90

G.R.E.S. Legião de Bambas – 172,00

G.R.E.S. Leões do Barão de Açu – 166,20

Grupo de Acesso B

G.R.E.S. Mocidade Independente do Coroado – 179,00

G.R.E.S. Império do Hawai – 176,70

G.R.E.S. Unidos do Coophasa – 176,50

G.R.C.E.S. Presidente Vargas – 174,20

Grupo de Acesso A *

G.R.E.S. Primos da Ilha – 179,20 (1º lugar)

G.R.E.S. Beija Flor do Norte – 179,20 (2º lugar)

G.R.E.S. Unidos da Cidade Nova – 179,20 (3º lugar)

G.R.E.S. Acadêmicos da Cidade Alta – 178,80

G.R.E.S. Dragões do Império – 178,50

G.R.E.S. Balaku Blaku – 178,00

* Desempate pela pontuação de Alegorias e Adereços, primeiro quesito na ordem de leitura da apuração, definida por sorteio

Grupo Especial

G.R.E.S. Reino Unido da Liberdade – 268,50

G.R.E.S. Vitória Régia – 266,90

G.R.C.E.S. A Grande Família – 266,80

G.R.E.S. Mocidade Independente de Aparecida – 266,70

G.R.E.S. Unidos do Alvorada – 265,80

G.R.E.S. Andanças de Ciganos – 265,60

G.R.E.S. Vila da Barra – 263,90

G.R.E.S. Sem Compromisso – 261,30

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: