Go to Top

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIAS PINHOLE PERMANECE EM ICOARACI ATÉ O DIA 19 DE MAIO

FOTOGRAFIA| Até o dia 19 de maio, permanece em Icoaraci, distrito de Belém, a exposição de fotografia pinhole, dos alunos participantes do projeto “Minha Ilha – Campos abertos do Marajó” no Liceu Mestre Cardoso.
A atividade integra o programa de ações socioeducativas previstas no projeto, realizado pelo fotógrafo Octavio Cardoso, por meio do XIV Prêmio Marc Ferrez de Fotografia, da Fundação Nacional de Artes (Funarte). A entrada é gratuita.
Estudantes do 9º do Liceu e da escola Adaltino Paraense, em Cachoeira do Arari, participaram da programação, que incluiu uma oficina de fotografia, em que construíram as próprias câmeras artesanais e produziram imagens do local onde vivem. Fotos dos vaqueiros de municípios do Marajó, feitas por Octavio, também foram expostas nas duas escolas. Para a maioria, a experiência com a prática fotográfica foi a primeira incursão em uma atividade artística.
Contemplado com o XIV Prêmio Marc Ferrez de Fotografia 2014, da Fundação Nacional de Artes (Funarte), o projeto “Minha Ilha – Campos abertos do Marajó”, idealizado pelo fotógrafo Octavio Cardoso, faz um registro do vaqueiro e dos campos do arquipélago. O artista fez diversas viagens para fazendas de gado da região para a captura de imagens, a fim de fotografar este trabalhador em momentos de transição: tanto do clima, entre as secas e cheias, quanto da própria prática de manejo do boi. Ao final, uma exposição será montada no dia 9 de maio, no Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG), em Belém.

SERVIÇO
O que: Fotografias pinhole com alunos do projeto “Minha Ilha – Campos abertos do Marajó”
Onde: Liceu Mestre Cardoso, localizado na Travessa dos Andradas, 1110, Ponta Grossa – Icoaraci.
Quando: até 19 de maio.
Quanto: Entrada gratuita.

Comentário

Comentário

%d blogueiros gostam disto: